Dezenove pessoas são assassinadas em Salvador e RMS no feriado prolongado de Corpus Christ

Dezenove pessoas são assassinadas em Salvador e RMS no feriado prolongado de Corpus Christ

- Em Policial

Entre os dias 11 e 14 de junho, feriado prolongado de Corpus Christ, dezenove pessoas foram assassinadas em Salvador e nos municípios da Região Metropolitana (RMS). No período também foi registrado três tentativas de homicídio, com isso o número de ocorrências de crimes contra a vida sobe para 22 e desse total, 21 vítimas são do sexo masculino e uma do feminino.

Mesmo com as restrições de circulação por conta do coronavírus, o número de assassinatos de 2020 consegue ser maior do que foi registrado ano passado, quando o feriadão de Corpus Christ compreendeu também quatro dias (20 a 23 de junho) e apenas 9 pessoas foram mortas, de acordo com o boletim diário da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).

No último sábado (13), um crime que aconteceu no bairro do Rio Sena, na região do Subúrbio Ferroviário chocou a cidade. O próprio filho matou a mãe a golpes de faca dentro da residência, informações da polícia é que houve uma briga entre ele e o irmão, mas a mãe que foi atingida. O acusado do homicídio tentou fugir do local, mas foi capturado e espancado por moradores até a chegada de uma guarnição, ele é usuário de drogas, conforme relatos da PM.

Além do Rio Sena, os outros bairros de Salvador que ocorreram os assassinatos foram Água de Meninos, Vale dos Lagos, Arraial do Retiro, Piatã, Tancredo Neves, Alto de Coutos, Trobogy, Cabula VI, Valéria, Jardim Nova Esperança (2) e São Cristóvão.

Já nas cidades que compõe a Região Metropolitana os crimes aconteceram em Simões Filho (2), Camaçari (2), Mata de São João e Dias D’Ávila.

As tentativas de homicídio do feriadão foram registradas apenas na capital baiana nas localidades de Itinga, Comércio e Bom Juá.

 

*BNews

Share Button