Jovens de Simões Filho juram à bandeira e recebem Certificado de Dispensa Militar em solenidade na Câmara

Jovens de Simões Filho juram à bandeira e recebem Certificado de Dispensa Militar em solenidade na Câmara

- Em Simões Filho

Em solenidade cívico-militar realizada na manhã desta quarta-feira (14), no Plenário da Câmara Municipal, jovens de Simões Filho receberam o Certificado de Dispensa de Incorporação do Serviço Militar (CDI) após terem prestado juramento à Bandeira Nacional.

O momento contou a presença do 1º Tenente Marcos da Silva Mattos, do presidente da Câmara, vereador Orlando de Amadeu (PSDB), e dos vereadores Adailton Caçambeiro (PRP), Canjirana (PSL), Jailson ‘Jajai’ (PP), o líder do governo, Manoel Almeida ‘Neco’ (PSD), do secretário de Governo (Segov), Edson Kipão, a coordenadora do Exército Brasileiro, Sônia Cordeiro, a secretária da Junta de Serviço Militar de Simões Filho, Marli Barreto, e a participação do poeta simõesfilhense, Cláudio Dória, que recitou poesia como forma de inspirar os jovens pelo sentimento de dever cívico e de patriotismo.

A cerimônia de juramento à Bandeira Nacional foi conduzida pelo 1º Tenente Marcos da Silva Mattos, que falou aos jovens sobre a importância do juramento à Bandeira Nacional na dispensa do serviço militar. “Este é um momento em que todos assumem suas missões e responsabilidades a partir do juramento à Bandeira, reforçando os sentimentos de amor à Pátria, de nacionalidade e de defesa do nosso país”, ressaltou Mattos.

O Tenente apresentou um vídeo aos jovens, orientando sobre o ingresso no serviço militar brasileiro. “Vocês foram dispensados de suas obrigações militares, mas, possuem grande responsabilidade com a nossa bandeira e com a sociedade, pois representam o futuro da nossa pátria”, afirmou.

Na ocasião, os jovens selaram com vibração e entusiasmo cívico o juramento à Bandeira Nacional, com o compromisso de defender a pátria e cumprir inteiramente as obrigações militares, caso ocorra uma convocação futura, após serem orientados da importância do ato, e que a partir deste momento passam a ser cidadãos brasileiros.

O juramento é um compromisso que formaliza a dispensa. Apesar de não fazer parte do quadro de recrutas, o jovem, até completar 45 anos de idade, fica à disposição do exército e poderá ter que se apresentar em defesa da pátria.

Após o ato cívico-militar de recepção à Bandeira Nacional das mãos do guarda municipal Remivaldo Ribeiro de Oliveira, conhecido como “Bahia”, e a execução do Hino Nacional Brasileiro, o presidente da Câmara, vereador Orlando de Amadeu (PSDB), que lembrou ter servido ao Exército Brasileiro no ano de 1986, saudou a todos e deixou aos jovens uma mensagem especial de encorajamento, estimulando neles a força de vontade que é preciso ter para vencer os desafios nesta nova etapa de vida.

“Se sintam orgulhosos em receberem o Certificado de Dispensa Militar. Quero que vocês tenham a certeza de que as portas e as oportunidades vão se abrir. Não desistam, mas sejam perseverantes. O estudo ajuda muito nas oportunidades. Se espelhem em pessoas que dão exemplos de vida, pois desejamos que vocês cresçam e mudem a história da nossa cidade”, desejou. “Com o CDI,vocês [jovens] podem exercer seus direitos políticos, sua cidadania e buscar emprego e trabalho. Não desistam, sigam firmes e vamos pra cima”, motivou o presidente.

Em sua intervenção dirigida aos presentes, o Tenente Mattos enfatizou que o Certificado de Dispensa Militar abre portas para os jovens exercerem a sua cidadania plena. “Está todo mundo na mesma condição de cidadão em usar o CDI da melhor maneira possível para contribuir com o desenvolvimento nacional e o engrandecimento do país com desempenho, trabalho e profissionalismo”, ressaltou o Tenente.

Durante a solenidade, o secretário da Segov, Edson Kipão, que representou o prefeito Diógenes Tolentino, destacou a importância do certificado, agradeceu a presença dos jovens e ressaltou sobre as obrigações cívicas e de cidadania de cada um. “Hoje, eu me alegro com esses jovens que passam a ser cidadãos brasileiros, baianos e simõesfilhenses reconhecidos pelo Exército Brasileiro”, disse o secretário que, na ocasião, representou o prefeito que esteve na Marinha para tratar dos preparativos para o desfile de Sete de Setembro com a presença do Exército  na cidade, pela primeira vez no município.

Presente na cerimônia, a secretária da Junta de Serviço Militar de Simões Filho, Marli Barreto, parabenizou os jovens e afirmou ser “um momento muito importante na formação de cada um deles”, pois “estão prontos para ingressarem na carreira militar, se assim escolherem”.

Ao final da solenidade, foram entregues os Certificados de Dispensa de Incorporação para os jovens alistados no município e dispensados da prestação do Serviço Militar inicial.

Boa parte dos jovens estava acompanhada dos pais e registrou o momento. Um deles, foi o estudante Lucas Oliveira Canjirana dos Santos, filho do vereador Erivaldo Canjirana (PSL), que recebeu das mãos do pai o Certificado de Dispensa Militar durante o ato. Para o vereador Canjirana, a solenidade teve uma sensação diferente. “É um orgulho ver meu filho participando deste momento”, afirmou o parlamentar.

O Certificado de Dispensa de Incorporação é indispensável e de suma importância para todo cidadão do sexo masculino. Sem o documento, o jovem fica impossibilitado de expedir alguns documentos como, por exemplo, o Título de Eleitor. O certificado é exigido na admissão em um emprego, ingresso em instituição de ensino superior, realização de concursos públicos, emissão de passaporte etc.

Aqueles que não participaram da cerimônia de entrega dos Certificados de Dispensa de Incorporação devem comparecer nas respectivas Juntas de Serviço Militar da cidade, portando os documentos de alistamento para a retirada do CDI.

Os jovens que têm interesse em servir as Forças Armadas (Exército, Marinha e Aeronáutica) podem participar de concursos que ofertam vagas para nível técnico e nível superior.

 

*Ascom/CMSF
Compartilhar: