Um grande show do esporte amador, “Real Madeirite” vence “Elite” na final da IV Copa Subúrbio de Futebol

Um grande show do esporte amador, “Real Madeirite” vence “Elite” na final da IV Copa Subúrbio de Futebol

- Em Destaque

Redação Rede Imprensa / Marcos Castelli

Após cinco meses de competição, a final da IV Copa Subúrbio de Futebol aconteceu no último domingo, 14/07, na Arena Mirandão, na Nova Brasília de Valéria, Subúrbio Ferroviário de Salvador. O evento esportivo se consolida a cada edição, e desta vez, ampliou sua força reunindo cerca de 2 mil espectadores. O grande show do esporte amador contou com a presença da primeira-dama de Simões Filho, a deputada estadual, Kátia Oliveira e o vereador soteropolitano, Palhinha.

Durante a Copa, realizada pela Liga de Futebol Nova Visão, 12 times se confrontaram, ficando definidos os finalistas: O time do “Real Madeirite” levou a melhor e sagrou-se campeão contra o “Elite” com o placar 1XO. Além de conquistar a grande vitória, o “Real Madeirite” tornou-se bi-campeão na competição e campeão invicto.

A equipe de organização formada pelos líderes, Elicarlos e Miranda, avalia como muito positiva a IV Copa do Subúrbio pela notável importância do futebol amador que beneficia diversas áreas, além da integração da comunidade, mas, sobretudo, aos aspectos relacionados à saúde, lazer, entretenimento e aquecimento da economia local.

 

O balanço divulgado pelos organizadores contabilizou 78 jogos e 150 gols, uma média de 1,92 gols por jogo durante os cinco meses do campeonato.

Inicialmente, a grande final estava agendada para o dia 07/07, porém por conta das fortes chuvas que caíram na capital baiana, foi suspenso e realizado no último domingo (14). A deputada estadual Kátia Oliveira, marcou presença; destacou a importância do futebol amador naquela região do Subúrbio de Salvador e reafirmou o seu apoio. “Continuarei apoiando e prestigiando todo o esporte amador e comunitário, visando o bem estar do povo baiano. Parabéns aos organizadores e atletas participantes, sobretudo aos times Real Maderite e Elite, que disputaram a final deste campeonato”, pontuou a legisladora.

A tradicional competição movimentou não somente as 12 equipes, mas se destacou pelo sucesso e integração das famílias, a alegria da torcida e o clima de união vivenciado no decorrer de todo campeonato, pautado pela melhor expectativa possível, profissionalismo e forte empenho de seus organizadores.

A IV Copa Subúrbio de Futebol se destacou ainda pela maneira transparente, resultando até a grande final, “um verdadeiro show para o esporte amador do Subúrbio da capital baiana”.

 

A final do evento esportivo contou ainda com imagens aéreas de drone, entrada de bandeiras e execução do Hino Nacional por uma cantora lírica.

Compartilhar: